DANÇA DO VENTRE | Curso Preparatório Profissional

Este curso é oferecido anualmente e visa preparar as estudantes para a prova de obtenção do registro profissional de dança junto ao ministério do trabalho no Rio de Janeiro. Durante o curso são analizadas e estudadas em detalhe tanto prático quanto teórico das 15 músicas que compoe o repetório sujerido para a prova.

INSCRIÇÃO NESTE CURSO

Datas: 21/05, 04/06, 18/06, 09/07, 23/07, 13/08, 27/08, 10/09, e 24/09.
Sábados de 10h30 as 13h30

Teremos simulados e todas as orientações para prova escrita e prática.

 

Sobre a Dança do Ventre :  O termo “dança do ventre” é uma tradução do termo francês “danse du ventre”, que foi aplicada à dança na era vitoriana, e, provavelmente se referia à tribo árabe Ouled da Argélia, cuja dança usava movimentos mais abdominais do que as danças descritas hoje como “dança do ventre” termo o qual pode-se dizer equívoco, pois todas as partes do corpo estão envolvidos na dança sendo os quadris a parte de maior destaque. Em árabe, a dança é conhecida como “Raqs Sharqi” ( “dança oriental”) ou “Raqs Beledi” ( “Dance País” ou “Folk Dance”), mas hoje está presente no mundo inteiro, muito além de regionalismos ou território físico e manifesta a corporeidade, anseios e expressão artística das mulheres contemporâneas das mais variadas culturas.

Ao contrário de muitas formas de dança ocidentais, o foco da dança é sobre relaxamento e isolamentos oriundos dos músculos do tronco que se expandem para membros e assim através do espaço. Embora alguns desses isolamentos pareçam superficialmente semelhantes ao usados ​​em ballet ou jazz, são conduzidos de forma diferente e profunda criando uma expressividade tradicional a esta dança.

Sobre o Tribal Fusion : O Tribal Fusion Bellydance surgiu a partir do American Tribal Style (ATS®) em meados dos anos 90 em São Francisco, Califórnia. Jill Parker, fundadora do Ultra Gypsy, primeiro grupo de Tribal Fusion, havia estudado American Tribal Style (ATS®) com Carolena Nericcio e o FatChanceBellyDance®, investiu em um processo criativo mais livre, uma vez que o ATS® é um sistema com regras específicas, além de ter sido planejado para ser dançado em grupo, o que excluía a possibilidade de solos. Amplamente influenciado pelos movimentos musculares, mescla o ATS com elementos de danças contemporâneas e urbanas.

Sobre o Tribal Americano : O grupo ‘FatChanceBellyDance® inaugurou uma nova possibilidades dentro da Dança do Ventre e ganhou muitos amantes e adeptos, porém também recebeu muitas críticas por fugirem muito das tradições. Por isso, para desvincular seu estilo de dança de danças tradicionais do Oriente e ter mais liberdade de criação, passou-se a chamar o que faziam de American Tribal Style® ou ATS®. A palavra american foi proposital para deixar claro se tratar de uma criação nascida na América e não uma dança tradicional ou folclórica.
Devido aos convites imprevisíveis e casuais para apresentações, bem como o fato de por muitas vezes não terem acesso à informações sobre o espaço de apresentação, desenvolveram uma técnica de improvisação que recebeu o nome de improvisação coordenada, que é a principal característica do American Tribal Style®, ou seja, uma linguagem universal de dança que possibilita a seus conhecedores dançarem em grupo, sem necessidade de ensaios prévios ou sequer falarem a mesma língua. O American Tribal Style® se solidificou e hoje é a base de tudo que se desenvolveu e ainda se desenvolve acerca de Tribal Bellydance (Dança do ventre Estilo Tribal).

JhadeDANÇA DO VENTRE | Curso Preparatório Profissional

Related Posts